Viação Garcia supera venda de companhias aéreas em Londrina

viagens aéreasA viação Garcia terá uma difícil missão durante as operações de 2016: manter a liderança na preferência dos embarques realizados em Londrina, contra as empresas aéreas que atuam na região. A crise econômica tem refletido no bolso dos passageiros que moram no interior do Paraná, favorecendo o modal rodoviário, como o da empresa responsável pela operação das principais linhas de transporte rodoviário do Estado. Além do aumento nas vendas das passagens rodoviárias para viagens de curta e média distância, a rodoviária de Londrina também têm recebido mais passageiros nos últimos seis meses. Segundo empresários do setor é uma movimentação positiva desde as operações controladas em 2011. De lá pra cá, a viação Garcia e suas concorrentes tiveram que superar queda no volume de passageiros, com diminuição de embarques em linhas regulares de grande demanda, como as que ligam a cidade até Curitiba e São Paulo.

Feriados Prolongados
Os ônibus levam vantagem durante os feriados prolongados e as datas comemorativas, já que são liberados para ampliarem suas frotas a favor do atendimento a população, em datas especiais. Essa flexibilidade aliada a novas tecnologias tem tornado as viagens de ônibus uma excelente opção em viagens de última hora. Diferente das companhias aéreas que reajustam os valores das passagens na medida em que voos em grande de escala se aproximam.

Mercado Brasileiro
Nos últimos cinco anos, as auto viações tiveram que aprender a lidar com o aumento no poder de compra do consumidor, desfavorável para um modal considerado de uso prioritário das classes C e D. Além disso, os incentivos a compra de automóveis por parte do Governo e os preços acessíveis de várias linhas aéreas, antes inacessíveis para muitos brasileiros, também foi outro aspecto que prejudicou as contas de grandes empresas rodoviárias do Brasil. Com a necessidade e falência de operação por parte de vários grupos, a fusão e extinção de nomes conhecidos no setor passou a ser manobra corriqueira no país. Apesar da baixa, várias modernizações e investimentos também vieram a colaborar com os ônibus.

Viação Itapemirim é o terror das companhias aéreas

Companhias aéreas estão com medo de perder passageiros.

Companhias aéreas estão com medo de perder passageiros.

Preços mais acessíveis e comodidade no momento da compra, fizeram com que empresas aéreas ligassem suas turbinas para superar as vendas concorridas com auto viações. Um desses exemplos acontece em linhas interestaduais operadas pela viação Itapemirim e Penha. Enquanto as companhias rodoviárias se encarregam de transportar os passageiros por terra, nos ares, a aviação Azul faz de tudo para não passar por turbulências. As linhas oferecidas pelas viações desde 2009 são boas opções para passageiros que querem viajar com economia. Há trechos vendidos por até R$ 10, se a reserva for feita em ônibus do tipo convencional. A vantagem é o que preço é fixo o ano todo e dá para adquirir o serviço através de sites confiáveis pela internet. Os preços das companhias de ônibus só deixam de ser superados pelas aeronaves em pacotes promocionais, quando a reserva é feita com bastante antecedência.

O mecanismo é uma forma que as companhias de avião encontraram sobreviver no mercado. Elas são mais caras, mas ficam mais acessíveis quando se tornam opção número um, em 30 dias antes do dia da viagem. A alternância de preço também é sentida quando se quer comprar passagens aéreas em cima da hora. Nessa ocasião, a lei da oferta e da procura fala mais alto. Um dos pacotes disponibilizados pela companhia Itapemirim leva o passageiro do Rio de Janeiro até a capital do Paraná, por valores que variam de R$ 10 até R$ 106. Para chegar até Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, com embarques em São Paulo, a passagem custa R$ 139 no ônibus convencional, com banheiro e ar condicionado. Além de São Paulo e outras capitais, há rotas promocionais com saídas de Campinas, vale a pena conferir.

Passagem online
A viação Itapemirim é a segunda companhia rodoviária que mais venda passagens através do site Quero Passagem. A auto viação “amarelinha” só perde para a viação Cometa. As duas também ficaram entre as empresas que mais comercializaram bilhetes rodoviários no mês de março. Na ocasião, a empresa 1001 superou as recordistas com boa pontuação registrada pelo sistema. A agência de turismo online lançada no Brasil em 2013, tem credenciado de mais de 40 empresas do setor rodoviário.

Trechos da Expresso Guanabara ganham disputa com linhas aéreas

Ônibus lotados x Aviões vazios.

Ônibus lotados x Aviões vazios.

Várias linhas aéreas operadas por famosas companhias de aviação como a TAM e Gol, estão perdendo a disputa por procura de passagens para trajetos rodoviários atendidos pela viação Expresso Guanabara, uma das cinco maiores companhias do país.
Desde o último grande feriado, durante os quatro dias de Carnaval, a rodoviária de São Luís, no Maranhão, chegou a comercializar todas as reservas rodoviárias e deixou centenas de passageiros na fila de espera, aguardando as viagens extras oferecidas por companhias de ônibus.
Em contrapartida, o Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado que abastece o fluxo de viagens de avião de toda região maranhense, não registrou nenhum aumento significativo.

A expectativa para a Copa do Mundo nesta e em outras capitais, preocupa os empresários do setor aéreo.
Muitas companhias de avião correm o risco de não preencherem todas as suas poltronas em viagens com destino a regiões nordestinas do Brasil.
Por outro lado, empresas como a Guanabara já se preparam para dobrar o número de veículos quando os jogos da Copa começarem. Atualmente, a companhia rodoviária tem 400 ônibus rodoviários espalhados nas regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste, com presença garantida em 12 estados e no Distrito Federal.
Viagens com menor tempo de duração também devem favorecer as auto viações durante os meses em que o país sediara o torneio da FIFA.

De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), a maior movimentação registrada pelo Aeroporto de São Luís neste ano, bateu a casa dos 23 mil passageiros. Um saldo negativo de 16% se for comparado com o fluxo de passageiros no mesmo período do ano passado.
Por causa dos estádios onde acontecerão importantes jogos da Copa do Mundo e até partida disputada pela seleção brasileira, a preferência de desembarque dos que moram em Maranhão são as cidades de Recife no Pernambuco e Salvador da Bahia.
Para garantir as passagens de ônibus sem sair do conforto de casa basta acessar um site de venda de viagens e programar o dia desejado. O voucher ou recibo de embarque deve ser retirado minutos antes de embarcar, no guichê da companhia de ônibus escolhida na internet.