Conheça a Itapemirim: A maior companhia de ônibus do Brasil

Viação Itapemirim

Viação Itapemirim

A maior e mais antiga companhia de ônibus do Brasil tem nome de cidade: Itapemirim, em homenagem a Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo, foi fundada pelo empresário Camilo Cola, em 1953. Sete anos depois de adquirir um Ford Hércules, com auxilio do Governo Federal, de quem tinha crédito por ter integrado a Força Expedicionária Brasileira, durante a Segunda Guerra Mundial. Com a compra facilitada dos caminhões, Camilo passou a estimular a prática de compra e venda de veículos, enquanto transportava cargas e passageiros. A atividade lhe rendeu dinheiro suficiente para criar a Empresa de Transporte Autos ­ ETA, aquela que seria a maior auto viação do país.

Na época, a frota era composta por apenas um ônibus, que operava no transporte de passageiros entre Castelo e Cachoeiro do Itapemirim. Demorou três anos para que a empresa ampliasse o número de veículos, passando a operar com o nome de viação Itapemirim LTDA, fruto de uma fusão com mais duas empresas rodoviárias. Com o tempo, as linhas foram sendo estendias para o norte do Espírito Santo. Em 1960, a Itapemirim passou a obter a concessão das linhas Brasília – Belo Horizonte e Belo Horizonte – Vitória (ES). Três anos depois já contabilizava 100 ônibus em sua frota. Apesar disso, a auto viação só ganhou renome nacional entre as companhas mais importantes do Brasil, em 1973, quando incorporou os serviços da viação Nossa Senhora da Penha, ampliando a frota para mais de 500 veículos, em menos de um ano.

Nos anos 80, adquiriu as operações da viação Única, importante companhia que operava a linha Rio de Janeiro – São Paulo. Com o controle do eixo rodoviário mais movimentado do Brasil e uma das maiores frotas da país, a Itapemirim tornou-se a maior empresa de transporte rodoviário de passageiros da América Latina. Além de transportar milhares de passageiros em diversas regiões, a companhia também trouxe novidades para o setor rodoviário, chegando a produzir suas próprias carroçarias. A iniciativa contribuiu para o avanço da engenharia automobilística internacional, através do modelo Tribus, que opera sob três eixos. Atualmente, a viação Itapemirim transferiu mais de 50% de suas linhas interestaduais para a viação Kaissara, pertencente ao mesmo grupo rodoviário.

Viação Itapemirim investe em “Rodonaves” para atrair clientes

Itapemirim adquire 15 Rodonaves.

Itapemirim adquire 15 Rodonaves.

Até o final do ano 15 ônibus do tipo “Rodonaves” da viação Itapemirim devem começar a circular pelas ruas do Brasil. Oito deles devem chegar em breve para compor a frota rodoviária que vem passando por modernizações a fim de atrair mais clientes. Além da ampliação dos serviços e da melhora no atendimento, a aposta para competir com linhas aéreas e empresas de aviação que desde 2001 são responsáveis por consumirem boa parte das viagens interestaduais realizadas no Brasil, está na qualidade da própria frota. É dela que grandes companhias rodoviárias, que operam em linhas de longa distância, estão conseguindo se destacar, já que o preço entre as concorrentes é bastante competitivo.

Para melhorar a qualidade das viagens noturnas, a companhia Itapemirim, uma das maiores companhias de ônibus do País, responsável por integrar o eixo Rio-São Paulo, decidiu priorizar os investimentos com ônibus do tipo leito. Eles são mais sofisticados, contam com poltronas-camas individuais e atendimentos de bordo. Sete deles já estão disponíveis em linhas servidas pela empresa “amarelinha”. Em nota, a empresa de ônibus afirmou que os veículos estão sendo adquirido para realizar linhas regulares com mais conforto e inovação. Todos são equipados com poltronas confortáveis, sendo cinco poltronas individuais “camas” com descanso para as pernas. Quem comprar as passagens de ônibus da Itapemirim também se depara com menor ruído interno, kit lanche personalizado, água gelada, pontos de energia espalhados no interior do veículo, ar-condicionado individual e ecológico, internet Wi-Fi e sistema de rastreamento do ônibus.

Mesmo passando por problemas financeiros, a Itapemirim sempre está disposta a inovar para acompanhar o comportamento de seus usuários. O modelo apresentado pela empresa disputa com os ônibus Double Decker da viação Cometa, um dos modelos mais modernos da concorrente. O ônibus de dois andares possui ar-condicionado, poltronas reclináveis, serviço de bordo e internet sem fio. A empresa São Geraldo e Penha também integram a lista das companhias rodoviárias com a viação 1001, que já contam o este tipo de serviço.

Viação Itapemirim vende passagens internacionais em site estrangeiro

Parceria entre sites garante viagens internacionais.

Parceria entre sites garante viagens internacionais.

A viação Itapemirim e a companhia Pluma famosa por transportar argentinos, paraguaios e chiles em viagens para dentro e fora do Brasil, venderam centenas de passagens de ônibus internacionais durante a Copa do Mundo, através de um e-commerce estrangeiro. O site com o nome de Plataforma 10 fez uma parceria com as empresas brasileiras para oferecer aos internautas que estavam interessados em acompanhar os jogos da Copa, viagens de ônibus de Buenos Aires para o Rio de Janeiro, com embarques diários.

Com a procura em alta, o trajeto que dura cerca de 40 horas aqueceu as vendas internacionais do site estrangeiro que registrou aumento de 82% nas reservas rodoviárias até o Rio de Janeiro e 20% para os que desembarcaram em São Paulo. Assim como aconteceu no Brasil, os vizinhos sul-americanos mais interessados em vir para as cidades-sede da competição foram os argentinos. Eles corresponderam 94,8% do tráfego registrado pelo site depois que a seleção do país estava classificada para a final do torneio da Fifa, esgotando as reservas rodoviárias disponíveis no site entre quinta e sexta-feira da mesma semana. O site que tem foco na venda de bilhetes internacionais, oferece no total, mais de dois mil destinos entre os países da América do Sul: Brasil, Chile, Argentina, Paraguai e Bolívia.

Por causa da Copa do Mundo, só neste ano, a startup chegou a disponibilizar em seu buscador online mais de 300 trechos rodoviários do Brasil com viagens a bordo de ônibus Executivos e Leito. As cidades brasileiras mais procuradas pelos estrangeiros foram: Porto Alegre, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Bahia e São Paulo. Graças à parceria que fez com empresas de ônibus do Brasil, o plataforma 10 também reservou grande número de passagens de ônibus de São Paulo para Rio de Janeiro e outras viagens interestaduais do Brasil, como Curitiba até Porto Alegre e Foz do Iguaçu para São Paulo. A agência de turismo na internet tem certificação ISSO 9001 e também facilita a compra de bilhetes rodoviários através de tabletes e celulares com internet, nos mesmos moldes de sites que vendem passagens aqui no nosso país.

Licitação de linhas rodoviárias pode prejudicar viação Itapemirim

Itapemirim vende companhias para quitar dívida.

Itapemirim vende companhias para quitar dívida.

Novas licitações que serão realizadas pelo Governo Federal até final do ano que vem, podem agravar os problemas financeiros de uma das maiores companhias de ônibus do Brasil. Fundada em 1953, a viação Itapemirim corre o risco de perder suas melhores linhas rodoviárias e sofrer baixas em rotas comercializadas com valores das passagens de ônibus acima da concorrência. Com a intervenção do Governo, pelo menos 1600 trajetos de ônibus interestaduais passaram a ser disputados novamente. Ganha o direito de operar em determinado destino, a companhia rodoviária que apresentar o preço da passagem mais barato. Para isso vai ser preciso reduzir as margens de lucro conquistas com a venda dos bilhetes.

Segundo o secretário de Política Nacional de Transportes, Marcelo Perrupato, empresas de ônibus mal gerenciadas e com problemas financeiros dificilmente conseguiram participar da licitação. Apesar de ter transportado mais de 3.2 milhões de passageiros só no ano passado, os prejuízos da companhia Itapemirim ainda são grandes. Desde os últimos dez anos, a empresa vem travando uma verdadeira batalha para quitar uma dívida de cerca de 200 milhões de reais. Em 2013 chegou a desembolsar R$ 37 milhões em juros e encargos e teve que aprender a ligar com as quedas nas vendas das passagens.

De 2007 pra cá, concorrentes como a viação Águia Branca e a Cometa tiveram salto significativo no número de clientes. O reflexo das dificuldades administrativas, já se vê na frota de ônibus, considerada uma das mais ultrapassados do país, com idade média de dez anos. Com medo das mudanças no setor rodoviário, a direção da Itapemirim decidiu se desfazer de parte de seus negócios para tentar se reerguer. Há pouco tempo já vendeu uma garagem que tinha no Distrito Federal, repassou duas empresas de ônibus secundárias a um grupo de investidores, e dispões de dois terminais de carga, localizados no Rio de Janeiro e em São Paulo. Com o dinheiro obtido, a viação pagou parte da dívida e começou a investir em novos ônibus, e outros negócios paralelos. É esperado que ainda no final desse ano, a empresa consiga atingir lucros de R$ 19 milhões.

Veículo da Viação Itapemirim pega fogo na linha SP x Rio

Viação Itapemirim

Apesar da pane, veículo foi fabricado no ano passado.

Cerca de 30 passageiros que estavam a bordo de um dos ônibus da Viação Itapemirim tiveram que abandonar a viagem rodoviária antes mesmo de chegar ao seu destino final.
Uma suposta pane elétrica provocou o incêndio no veículo que operava a linha entre um dos trechos mais movimentados do Brasil, no Km 319 da Rodovia Presidente Dutra, na altura de Itatiaia e antecipou a parada de todos que estavam viajando. Segundo relatos da equipe da concessionária Nova Dutra, empresa que administra a rodovia de onde aconteceu o acidente, o motorista e os tripulantes conseguiram sair ilesos, antes que o fogo tomasse conta do interior do veículo.

Quem vinha sentido São Paulo com destino para o Rio de Janeiro, parou para acompanhar a ação do Corpo de Bombeiros, que apagou as chamas evitando riscos aos demais automóveis que trafegavam pela estrada.
De acordo com alguns passageiros, ocupantes do ônibus sentiram cheiro de fumaça vindo dos fundos do coletivo, quando o ônibus estava passando pelo pedágio que corta Itatiaia. Foi ai, que o motorista decidiu encostar o veículo em uma área segura para realizar o desembarque dos passageiros. Mesmo assim, o fogo se alastrou pelas imediações do veículo, obrigando o motorista parar com o veículo no meio da pista de acesso até a cidade mais próxima.
Todos os passageiros do coletivo foram até um restaurante que fica nas proximidades. Ninguém ficou ferido, conforme informação do corpo de bombeiros.

Testemunhas acreditam que o ônibus pegou fogo por causa de uma pane elétrica.
Homens do 23º Grupamento de Bombeiro Militar (GBM) de Resende utilizaram três viaturas para conter as chamas.
Policiais da 7ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM) também participaram da ação com a intensão de estabelecer a segurança daqueles que passavam pelo local.
O trecho da rodovia ficou interditado por cerca de duas horas. Neste período, o fluxo de veículos foi desviado através de uma das pistas auxiliares da Dutra.
O veículo que foi fabricado no ano passado e ficou totalmente queimado, também foi removido do local.
A companhia de ônibus não se manifestou sobre o fato.

Saia do RJ para curtir o Carnaval de Pompéu com a viação Útil

Lucas Lucco é atração do Carnaval de Pompéu.

Lucas Lucco é atração do Carnaval de Pompéu.

Para os que moram no estado do Rio de Janeiro e não querem perder a folia do carnaval de rua ao som das bandas de axé e pagode mais famosas do Brasil, podem começar a pesquisar agora o melhor horário para viajar até Minas Gerais, no Carnaval de Pompéu. Basta acessar o site da agência de turismo on-line, Quero Passagem, para reservar sua viagem com destino ao melhor carnaval de mineiro, a bordo da viação Útil. A linha oferecida pela companhia de ônibus para os foliões que resolverem deixar a cidade maravilhosa para trás neste carnaval tem desembarque programado em Belo Horizonte, próximo à pequena cidade pertencente à microrregião de Três Marias. Apesar de ser pequena, a cidade fica lotada nesta época do ano.

Nessa edição, o evento vai contar com shows consagrados e a presença VIP de muitos famosos, como é o caso do ator global Caio Castro. Além da badalação do astro, a expectativa de ver a performance do vocalista Léo Santana do Parangolé, e o carisma do sambista Thiaguinho serão ingredientes especiais durante os quatro dias de festa.
Participam também do Carnaval de Pompéu 2014 o cantor Lucas Lucco, Jammil, Mc Koringa, Mr Catra, Henrique e Mateus e muitos outros grupos.
Há espaços reservados e blocos para pular o dia todo, além de um abadá VIP com recepção calorosa com quem se apresenta no trio elétrico e acesso livre até boate e a Tenda Eletrônica Stars.

O evento ainda conta com dois tipos de camarotes cheios de requente e luxo, com bebidas a vontade e atendimento exclusivo de garçons.
Fora os shows é possível dançar na boate com DJs, curtir os mais variados ritmos eletrônicos na tenda Stars, se banhar no Pool Party Bebo Direto Itals, curtir um som exclusivo na Choppada do Reduto e participar da festa à Fantasia do Reduto.
A distância entre as duas capitais é de 444 km. Assim que desembarcar na rodoviária de Belo Horizonte é preciso pegar o Anel Rodoviário com destino a Brasília, pela BR040, passando por Sete Lagoas e Paraopeba antes de chegar até Pompéu.
Além da viação Útil, a companhia Cometa e a Itapemirim também realizam o trajeto.

Nova frota da viação Itapemirim beneficia mulheres a bordo

Viação Itapemirim investe em nova frota de veículos para se destacar da concorrência em 2014. Veículos oferecem dois sanitários , com uso exclusivo para mulheres.

Banheiro exclusivo para mulheres

Por causa da competição desigual no preço das passagens rodoviárias entre a concorrência e a variação nas tarifas aéreas, empresas de transporte coletivo que interligam os estados brasileiros, irão apostar tudo o que têm em suas frotas, durante esse ano. Veículos novos, mais modernos e cheios de equipamentos que permitem uma viagem de ônibus mais confortável deverão ser vistos com mais frequência nas rodovias do Brasil.
A mudança aguardada para acontecer gradativamente, é o reflexo de sobrevivência no mercado de transporte rodoviário intermunicipal e interestadual, responsáveis por longas linhas. Já que a disputa pelos passageiros de ônibus não acontece apenas entre as próprias companhias de transporte, mas também divide uma fatia com as viagens de avião e o mercado de fretamento e turismo irregular.

Quem é dono de uma companhia dessas tem que aprender a conviver e competir com as promoções e os preços acessíveis nas passagens de avião, que dos últimos anos passou a roubar muitos clientes do setor rodoviário. O livre acesso para adquirir um carro de passeio também tem prejudicado os coletivos de viagem.
Até o transporte clandestino, que põe a vida do passageiro em perigo e vende bilhetes de ônibus para veículos em péssimas condições, ainda conquistam boa parte dos turistas, por causa dos preços mais acessíveis.
Por esses e outros motivos, empresários se viram na obrigação de investirem em suas frotas, adequando suas operações e melhorando o atendimento, além de trabalhar com mais tecnologia e facilitar a compra das passagens pela internet.

Para se diferenciar da concorrência durante este ano, a viação Itapemirim, que opera em rotas de longa distância e cobre ao menos 70% de todo território nacional, comprou um lote de ônibus, totalizando 150 novos veículos.
Todos eles garantem uso de um sanitário exclusivo para uso das mulheres. No total, segundo a companhia, toda a frota terá dois banheiros à disposição dos passageiros.
Os novos modelos possuem a carroceria da Marcopolo Paradiso Geração Sete, que também se preocupa com o meio ambiente.
Passageiros que embarcarem nos ônibus convencionais poderão desfrutar de um dos 42 lugares disponíveis, acessar a internet gratuitamente e curtir a paisagem através das janelas panorâmicas.

Ônibus Itapemirim completa 60 anos de atividades

 60 anos viação Itapemirim

A empresa de ônibus Itapemirim está completando 60 anos de atividade com intensa participação no crescimento do Brasil em 2013. Para celebrar a data simbólica, o departamento comercial da companhia resolveu adesivar alguns de seus ônibus com pinturas que lembram os antigos modelos de sua frota e contam um pouco da trajetória de empreendedorismo na viação. Os adesivos são reproduções de 1958, com o primeiro modelo estampando o nome da empresa na lataria, 1966, ano que em a Viação Itapemirim abre novos rumos em seu negócio empresarial, apresenta o Monobloco O-326 e a pintura na data anual de 1989 lembrando o mesmo designer da Scania K 112 CL, na década mais marcante para a Itapemirim, quando em 1980 consegue a licitação para operar a importante linha no eixo Rio – São Paulo e passa a ter forte influencia no cenário dos transportes rodoviários do Brasil.

Foi nesta data que uma das companhias de ônibus mais conhecida no país instalou a Camilo Cola, uma montadora de carroceiras responsável pela produção dos veículos operantes pela Itapemirim. A empresa terceirizada era um recurso que tornava os serviços da transportadora diferenciados da concorrência. Mas foi só no final dessa década que o conceito Tribus, com tração em três eixos passou a funcionar. A auto viação Itapemirim é até hoje reconhecida pelas suas inovações no setor rodoviário. A rodomoça, espécie de aeromoça dos ônibus e o tacógrafo que monitora o tempo de uso, a distância percorrida e a velocidade dos veículos foram novidades apresentadas pela empresa.

Hoje, o tacógrafo, por exemplo, é item obrigatório para veículos de grande porte. Além de estar sempre à frente da concorrência, a Itapemirim também marcou historia de muitos brasileiros. Segundo a gerência comercial da corporação, a pintura tem agradado e feito os passageiros se lembrarem do passado. Assim que os adesivos foram colados nas auto frotas, muitos comentaram a respeito. Os motoristas e quem trabalham no guichê são os que mais ouvem os elogios. Essa foi à forma que a empresa encontrou de homenagear seus antigos e novos passageiros e os fanáticos por ônibus, chamados de busólogos.