Viação Catarinense registra aumento na venda de passagens para SP

Viagens para São Paulo aumentaram na Copa.

Viagens para São Paulo aumentaram na Copa.

A compra de passagens de ônibus efetuada por milhares de estrangeiros que estiveram no Brasil durante a Copa do Mundo ajudou a viação Catarinense ver suas vendas de passagens para São Paulo aumentarem nos últimos 30 dias.
A viação mais antiga em atividade no país e conhecida por operar linhas interestaduais de São Paulo, Paraná e Santa Catarina, comemorou a preferência de brasileiros e torcedores de outros países que se deslocaram até a capital paulista nos dias dos jogos disputados no estádio do Corinthians. A maior metrópole do Brasil ficou em terceiro lugar no ranking das cidades mais visitadas por turistas em viagens de ônibus durante o evento FIFA, atrás do Rio de Janeiro e de Minais Gerais.

Com exceção dos argentinos que fizeram uma verdadeira invasão nas cidades-sede, americanos foram os que mais prestigiaram o evento no Brasil. Outros países sul-americanos como Chile, Uruguai e Colômbia, marcaram presença entre várias nacionalidades europeias.
Apesar de estarem cientes de que a procura pelas passagens rodoviárias seria intensa durante o Mundial, muitas empresas rodoviárias e áreas não se prepararam como deveriam para oferecer serviços a clientes que moram fora do país. Foi graças a agências de turismo on-line como a startup Quero Passagem, que a reserva de passagens para estrangeiros aconteceu.

O site lançado no final do ano passado disponibilizou uma plataforma traduzida para o inglês e outra pra o espanhol, além de ser a primeira do setor rodoviário a incrementar o serviço de pagamento com cartões de crédito e débito internacional, e sem apresentação do CPF. O sucesso do investimento gasto dois meses antes do Mundial começar, refletiu em mais de 30% de aumento na venda das passagens de ônibus oferecidas pelo site. O e-commerce inspirado no modelo aéreo trabalha com mais 30 empresas de ônibus e cobre 89% de todo território nacional, através da comercialização de mais de 3 mil linhas rodoviárias.
Para a direção da empresa virtual, os mecanismos de busca e o preço mais acessível em comparação com as viagens aéreas foram determinantes para aceitação e procura pela compra de passagens na internet.

Baratas embarcam em viagem até Santos com a viação Cometa

Baratas invadem ônibus da Cometa.

Baratas invadem ônibus da Cometa.

Passageiros que embarcam no ônibus da viação Cometa no dia 15 de maio com destino ao litoral de São Paulo, por volta das 23h45, tiveram uma companhia nada agradável durante toda a viagem rodoviária.
Por incrível que pareça, inúmeras baratas tomaram conta de vários assentos do veículo que seguia até a cidade de Santos. Os insetos estavam por toda a parte, nos bancos da frente, atrás e até na poltrona do motorista.
Segundo um dos passageiros responsáveis por registrar uma reclamação na ouvidoria da auto viação, essa foi à primeira vez que isso aconteceu. Ele utiliza os ônibus da Cometa pelo menos duas vezes por semana e ficou impressionado com o que viu. Apesar disso, essa não foi a primeira queixa em que um veículo da companhia é tomado pelas baratas.

Vários tripulantes de ônibus prestaram queixa na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), além de reclamarem para a empresa de ônibus.
Funcionários da viação Cometa acataram várias denúncias e entregaram um documento para que os clientes pudessem reclamar a direção.
Por causa do fato inusitado, a notícia rapidamente chegou aos órgãos reguladores e foi parar na imprensa.
Tem tinha celular não excitou em fotografar o interior do veículo. Apesar de receber várias denúncias, a ANTT informou que nada pode fazer, já que apenas regula o
transporte interestadual e internacional das cidades, diferente daquele ônibus que é de uma linha intermunicipal (São Paulo-Santos).

Nesse caso, apenas a Artesp e a Secretaria Estadual de Transportes podem tomar uma medida.
Segundo a agência reguladora do transporte, a companhia Cometa será notificada para cumprir os artigos 15 e 66 do Decreto nº 29.913/89 que obrigam que os serviços rodoviários sejam cumpridos com coerência e proporção de qualidade de seus mercados e que os coletivos deverão ser mantidos, quando em execução de serviço, em boas condições de funcionamento, higiene e segurança.
Em entrevista a imprensa, a Viação Cometa garantiu que a limpeza dos ônibus de sua frota é feita ao após as viagens e os veículos passam por dedetização com frequência.

Viação Cometa incentiva alfabetização e formação de funcionários

Funcionários da Cometa conseguem diploma de alfabetização.

Funcionários da Cometa conseguem diploma de alfabetização.

Mais de 20 funcionários da viação Cometa conseguiram concluir o ensino fundamental e médio, graças ao Programa Cometa Educa promovido com parceria entre a empresa de transporte rodoviário de São Paulo e o Sesi – Serviço Social da Indústria.
A intenção é dar oportunidades a profissionais que não possuem alfabetização ou não conseguiram concluir os estudos e querem voltar para as salas de aula, sem deixar o trabalho de lado.
O projeto tem aval do Ministério da Educação e Cultura (MEC) e já formou oito trabalhadores na quarta-série e entregou o diploma de 5ª à 8ª para outros 24 funcionários.
O método de ensino foi criado pela própria companhia de ônibus e atende a rotina dos motoristas e profissionais que trabalham com a auto viação.

As aulas são semipresenciais e se ajustam aos horários de trabalho e horas de folga de cada trabalhador. É obrigatório frequentar a sala de aula uma vez por semana para garantir a aprendizagem.
Para os que têm tempo livre, há também aulas presenciais com professoras, todos os dias. “A metodologia utilizada garante comodidade aos alunos e dá liberdade para realizarem atividades extras em casa. As aulas são ministradas de segunda a sexta-feira, das 18h às 20h, no auditório da sede da Cometa, localizado no bairro da Vila Maria, em São Paulo”, explica um dos professores do projeto.
O Programa Cometa Educa beneficia também quem cumpre escalas de revezamento, como acontece com motoristas rodoviários.

Existe mais de 30 motoristas frequentando as aulas. A maioria é de cidades do estado do Paraná. Há alunos também de Juiz de Fora (MG), Volta Redonda (RJ), Jundiaí, Itapetininga e Lorena (SP), além da capital paulista.
Através de comunicado oficial, o diretor da Viação Cometa Anuar Helayel, disse que não há investimentos mais lucrativos do qualificar seu quadro de funcionários. “O Programa Cometa Educa é mais uma iniciativa da empresa na busca do desenvolvimento e estimulo do conhecimento de seu corporativo. Nós e todas as empresas que fazem parte do Grupo JCA, investimos cada vez mais na qualificação de pessoas, a fim de gerar resultados mais precisos e mais ágeis no futuro”, explicou.

Viaje até o Porto de Santos a bordo da viação Cometa

Cometa leva passageiros até Porto de Santos.

Cometa leva passageiros até Porto de Santos.

A viação Cometa está dando uma forcinha especial para aqueles que precisam chegar até o Porto de Santos, para realizar um cruzeiro de navios pelo litoral paulista.
Desde novembro do ano passado, a companhia de ônibus, considerada uma das mais tradicionais do Brasil e líder de venda de passagens de ônibus em linhas na região sudeste do país, está deixando a concorrência para trás com este novidade.
Tanto para quem chega até a capital de ônibus como para aqueles que desembarcam em São Paulo através do Aeroporto de Congonhas pode contratar o serviço rodoviário da empresa.
A intensão é transportar passageiros que moram na capital do Estado ou que desembarcam até a cidade e querem realizar uma viagem com saída do porto considerado o mais movimentado de toda a América Latina.

Os embarques realizados direto do terminal rodoviário de Jabaquara começam a partir das 8 horas da manhã e valem até às 10h45. Já para as saídas do aeroporto de São Paulo, os veículos partem, sempre às 11 horas.
As datas disponíveis para quem pretende utilizar o serviço da Cometa ainda neste mês, valem para os dias 16, 17, 19, 20, 21, 23, 24, 25, 27, 28, 29 e 31 de março.
No mês que vem, a companhia rodoviária deve oferecer as viagens nos dias 02, 04, 06, 10, 11, 14, 18 e 25 de abril.
Além de apostar na nova linha rodoviária, a Cometa também está se destacando pelas poltronas de maior inclinação apresentadas nos novos veículos que compõem a frota.

A novidade acompanha os modelos Executivo e Leito e dão mais espaço para que o passageiro possa relaxar durante os trajetos. Tanto as poltronas, como os encostos para os pés possuem nível de inclinação elevado.
O mais espaçoso da categoria é o Leito, onde esta incluído o uso de travesseiro e manta para viagens durante a noite.
Se a ideia é reservar a passagem da Cometa sem sair de casa, é preciso utilizar o próprio site da companhia para garantir o transporte.
Já no site Quero Passagem, que vende passagens de ônibus dessa e outras 29 auto viações, a opção para chegar ao Porto de Santos é embarcar em um veículo da viação Expresso Luxo.

Veículo da Viação Itapemirim pega fogo na linha SP x Rio

Viação Itapemirim

Apesar da pane, veículo foi fabricado no ano passado.

Cerca de 30 passageiros que estavam a bordo de um dos ônibus da Viação Itapemirim tiveram que abandonar a viagem rodoviária antes mesmo de chegar ao seu destino final.
Uma suposta pane elétrica provocou o incêndio no veículo que operava a linha entre um dos trechos mais movimentados do Brasil, no Km 319 da Rodovia Presidente Dutra, na altura de Itatiaia e antecipou a parada de todos que estavam viajando. Segundo relatos da equipe da concessionária Nova Dutra, empresa que administra a rodovia de onde aconteceu o acidente, o motorista e os tripulantes conseguiram sair ilesos, antes que o fogo tomasse conta do interior do veículo.

Quem vinha sentido São Paulo com destino para o Rio de Janeiro, parou para acompanhar a ação do Corpo de Bombeiros, que apagou as chamas evitando riscos aos demais automóveis que trafegavam pela estrada.
De acordo com alguns passageiros, ocupantes do ônibus sentiram cheiro de fumaça vindo dos fundos do coletivo, quando o ônibus estava passando pelo pedágio que corta Itatiaia. Foi ai, que o motorista decidiu encostar o veículo em uma área segura para realizar o desembarque dos passageiros. Mesmo assim, o fogo se alastrou pelas imediações do veículo, obrigando o motorista parar com o veículo no meio da pista de acesso até a cidade mais próxima.
Todos os passageiros do coletivo foram até um restaurante que fica nas proximidades. Ninguém ficou ferido, conforme informação do corpo de bombeiros.

Testemunhas acreditam que o ônibus pegou fogo por causa de uma pane elétrica.
Homens do 23º Grupamento de Bombeiro Militar (GBM) de Resende utilizaram três viaturas para conter as chamas.
Policiais da 7ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM) também participaram da ação com a intensão de estabelecer a segurança daqueles que passavam pelo local.
O trecho da rodovia ficou interditado por cerca de duas horas. Neste período, o fluxo de veículos foi desviado através de uma das pistas auxiliares da Dutra.
O veículo que foi fabricado no ano passado e ficou totalmente queimado, também foi removido do local.
A companhia de ônibus não se manifestou sobre o fato.

Aplicativo da viação Cometa é baixado 30 mil vezes

Viação Cometa lança aplicativo de celular para vender passagens de ônibus. Mais de 30 mil pessoas já baixaram a ferramenta e podem acessar todos os serviços em tempo real, durante a viagem.

Cometa lança aplicativo para vender passagens.

Mais de 30 mil pessoas já estão utilizando o novo aplicativo para dispositivos móveis da viação Cometa, que possibilita a pesquisa e reserva de passagens de ônibus em poucos minutos.
Lançada em menos de três meses, a ferramenta superou as expectativas da direção geral da empresa de transporte rodoviário e entusiasmou muitos tripulantes que não desgrudam do celular. Segundo o diretor executivo, Anuar Helayel, aposta que em breve, o aplicativo tecnológico se popularizará entre jovens e passageiros que utilizam seus celulares com acesso a internet. Para ele, o sucesso dos downloads é a resposta ao bom momento das vendas de passagens pela internet.

Além de fornecer as tarefas convencionais que podem ser realizadas no site, o App também dá notícias atualizadas e garante um play list para que o passageiro possa viajar ouvindo suas músicas favoritas. Além disso, ainda é possível ler sobre dicas de eventos e pontos turísticos das cidades programadas para desembarcar.
Semelhante ao que acontece com as vendas na internet, o aplicativo da Cometa dispõe de várias formas de pagamento, datas, rotas e horários, fornece um calendário de eventos, apresenta serviços públicos de interesse da população e faz integração com as principais redes sociais. A novidade tem tecnologia de transmissão QR Code Reader e disponibiliza o Contagiro, um programa de fidelidade criado para somar pontos que podem ser substituídos por viagens de ônibus grátis.

O aplicativo criado pela companhia de ônibus famosa pela integração entre várias cidades do estado de São Paulo, pode ser instalado nos sistemas iOS (Apple) e Android. Além de contar com uma versão especial para HTML 5.
Para aderir à novidade, basta baixar gratuitamente o aplicativo no Facebook Oficial da viação Cometa. Se o passageiro não tiver planos para navegar na internet e baixar aplicativos em seu disposto móvel ou até mesmo não encontrar sinais disponíveis durante a viagem, poderá acessar a interne Wi-Fi dentro dos ônibus da Cometa durante as principais rotas rodoviárias.
Além da internet, os veículos são equipados com ar condicionado, poltronas reclináveis, televisor, sanitários exclusivos e sistema de som individual dependendo do modelo escolhido.

Viação Cometa aposta em trajetos de linhas aéreas

Viação Cometa aposta em mercado de linhas aéreas de São Paulo.

Viações competem com companhias aéreas

Já não é de hoje que apenas as companhias aéreas estão de olho na grande demanda de passageiros que viajam entre as cidades até chegar aos aeroportos de onde irão embarcar. Além de aviações como a Azul já estarem oferecendo serviços rodoviários para cativar seus clientes, companhias de ônibus já consagradas, como a Viação Cometa resolveram entrar na disputa.
A maior empresa rodoviária do estado mais rico do Brasil também transporta centenas de passageiros nas linhas que atendem o município de Campinas até Cumbica, e Sorocaba até o mesmo destino, desde metade do ano passado. A ideia é morder uma fatia da grande demanda de pessoas que se deslocam até o Aeroporto de Guarulhos e precisam de um transporte alternativo para ir e voltar ao local de destino.

Com o atendimento da companhia Cometa, as duas cidades interinas do Estado de São Paulo, passaram a receber um reforço importante já que a empresa disponibilizou uma nova frota para atender esses trajetos.
Todos os veículos são equipados com ar condicionado, possuem sanitários, tem geladeira com água mineral à vontade e até oferecem serviço de internet grátis através do Wi-Fi. Quem prefere relaxar durante a viagem pode cochilar nas confortáveis poltronas ou se distrair com a programação transmitida pela TV Digital instalada dentro de cada ônibus. O modelo tem capacidade para 46 lugares e os acentos são reclináveis.

Os ônibus Cometa que partem de Sorocaba até o Aeroporto de Guarulhos funcionam nos horários das 4h30, 11h, 14h15 e 19h. Para voltar, há disponibilidades entre às 7h, 11h, 15h e 18h30.
Já em Campinas a companhia de transporte sai às 6h10, 10h, 15h e 18h30 e começa fazer o caminho de volta durante as 6h10, 10h10, 15h40 e 19h10.
Para adquirir as passagens de ônibus basta ir até um dos guichês da rodoviária ou fazer uma reserva no próprio site da empresa. Também há possibilidade de compra no aeroporto, na loja da Viação Cometa no Terminal 1 ou no quiosque da empresa no Terminal 4. Todos os trajetos dessa e de outras auto viações também estão disponíveis no site de venda coletiva, o Quero Passagem.

Empresas de onibus em sao paulo atendem decisão do Executivo

 Auto viações SP poder executivo

 

Empresas de onibus em sao paulo que atendem a população de Presidente Prudente, no interior do Estado, irão cumprir nova determinação feita pela prefeitura da cidade para diminuir o valor cobrado pelas tarifas de ônibus. Mesmo sem a ordem ser oficial, as companhias Pruden Express e TCPP se mostraram favoráveis à mudança que deixa a passagem de ônibus 10 centavos mais barata. De acordo com o coordenador do Centro de Gerenciamento Operacional, o CGO que tem controle sobre as duas auto frotas, José Ricardo Gois, independente das decisões tomadas pelo executivo municipal, as viagens deverão acontecer normalmente até que novas medidas sejam tomadas para ajustar as mudanças.

A grande preocupação de Gois é assegurar que o sistema operacional não seja reduzido para compensar a queda na receita das empresas. Tanto a frota, quanto os funcionários e até mesmo as linhas operantes devem ser mantidas. O CGO vai calcular os prejuízos e só depois fará uma analise para decidir o que fazer. A alteração no valor que antes era R$ 2,60 e agora passa a ser cobrado R$ 2,50 significa uma perca de 4% no preço do bilhete. Uma pequena diferença que pode representar muito quando é coletiva. Até 2012 acabar, as auto viações cobravam R$ 2,40 para as passagens de ônibus em Presidente Prudente. Com a justificativa dos aumentos no combustível, nos salários dos empregados e na taxa da inflação este valor subiu 20 centavos logo no primeiro dia de 2013.

Mesmo com o aumento anual, as empresas de transporte público já estão acostumadas com os pedidos de revogação e diminuição das tarifas, feitas pelos passageiros. E por isso estão preparadas para acatar as medidas de redução feita pela prefeitura. As duas companhias de ônibus entendem que o governo também passa por um momento de pressão e por isso devem concordar com a diminuição dos valores. Elas prometem estudar possibilidades para regularizar a queda na arrecadação compensando ou cortando gastos internos. Segundo pronunciamento oficial da prefeita de Presidente Prudente, o novo valor cobrado pelas tarifas de transporte coletivo entra em vigor no sábado, dia 22 de junho e não tem previsão de reajustes.

Funcionários de empresa de ônibus em são paulo terão banheiros

 Banheiros para funcionários empresa de ônibus em SP

Agora quem trabalha em empresa de ônibus em são paulo terá direito a uso de serviços básicos em todos os pontos de acesso final dos veículos públicos instalados no município paulista. Uma nova lei publicada no Diário Oficial de São Paulo obriga todas as companhias de ônibus da capital a oferecerem em todos os pontos com destino finais onde não houver terminais rodoviários uma série de serviços como banheiros, água potável e também acomodações e abrigos para os profissionais terem um local para se protegerem do mal tempo enquanto esperam os itinerários e linhas até chegar o próximo embarque. A medida beneficia motoristas, cobradores, fiscais e todos os funcionários que de alguma forma operam o sistema.

Em vigor, os expressos obrigatoriamente deverão obedecer a lei criada pelo parlamentar “Vavá”. O projeto de lei foi aprovado pela Câmara Municipal de São Paulo e publicado em órgão oficial no dia 4 de junho de 2013. Por hora o uso do espaço para repouso e necessidades básicas não estará disponível para passageiros e usuários que viajarem e desembarcarem nos pontos finais. Segundo a lei do vereador Valdemar Silva, o Vavá dos transportes, em algumas situações, os funcionários e profissionais podem decidir liberar o acesso ao espaço se acharem mais conveniente. As companhias de transporte que operam as linhas rodoviárias de São Paulo são as responsáveis pela aplicação da lei. São elas que devem instalar e presar pela manutenção dos locais.

Empregados de outras modalidades como os mini ônibus, vans e até os ônibus de cooperativas também são incluídos pela exigência da lei. Portanto os últimos pontos de coletivos de viagens de parada para essas categorias também precisam mudar. Com a falta de estrutura fornecida somente nas rodoviárias, hoje a realidade desses pontos de parada final são bem diferentes. A maioria deles não possui banheiro e nem água para saciar a sede de quem para no local. É comum quando os próprios motoristas, cobradores e também os fiscais se abrigam em estacionamentos pagos ou se alongam até chegar a suas casas em casos em que a distância é relativamente próxima ao do ponto de parada.