Companhia de Viação 1001 viagens tem mais reclamações

 

 Reclamações Viação 1001

A Companhia de Viação 1001 viagens é uma das empresas de transporte público que mais recebeu reclamações de seus usuários no último ano. Os atrasos nas linhas por onde opera e os reajustes cobrados nas tarifas de seus ônibus são os motivos mais contestados por quem vive utilizando os serviços da empresa que já completou 65 anos de existência. Por causa das reclamações, a Auto Viação 1001 virou tema de uma audiência pública no Rio de Janeiro. A Alerj – Comissão Permanente de Transportes da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro foi quem promoveu o encontro entre os passageiros e responsáveis pela concessionaria carioca. A reunião pública informal aconteceu na terça-feira, dia 11 de junho, às 10h30, na sala 316 do Palácio Tiradentes, sede da comissão, e serviu como ambiente de debates sobre os serviços prestados pela Viação 1001.

O deputado estadual Roberto Henriques, do PSD, foi quem fez o pedido para que a audiência acontecesse. Os coletivos de viagens da empresa 1001 passagens são os mais rodados pelo Estado. Segundo informações da própria companhia, a Viação 1001 é a maior operadora entre as linhas que ligam as cidades de Rio de Janeiro e São Paulo. Ela também atende os trajetos em diversas regiões do Estado e outros municípios como é o caso do Norte Fluminense para a capital carioca, por onde tem privilégio exclusivo. As cidades de Macuco, Cordeiro, Cantagalo, Bom Jardim e Nova Friburgo também são atendidas pela companhia de transporte rodoviário na região da Serra.

Durante a audiência, problemas como preços das viagens e até a conservação e o conforto dos expressos foram apontados. O Detro RJ – Departamento de transportes rodoviários do Rio de Janeiro, órgão capaz de conceder e fiscalizar os coletivos, representantes da empresa e passageiros participaram do debate. De acordo com alguns passageiros, a Auto Viação não cumpre todos os horários previstos por lei e nem oferece um transporte em boas condições para uso. A empresa de veículos públicos se difere da concorrência com acessos facilitados para compra das passagens na internet e Salas Vips em terminais de Novo Rio, Niterói, São Paulo, Campos dos Goytacazes e Florianópolis.