Viação 1001 transportará mais de 15 mil passageiros no feriado

Destinos da Região dos Lagos

Destinos da Região dos Lagos

Segundo estimativa da viação 1001, mais de 15 mil cariocas reservarão suas passagens de ônibus para desembarcar nas rodoviárias da Região dos Lagos do Rio de Janeiro, durante o feriado prolongado, no dia 2 de novembro. Além das cidades Serrana, os municípios que compõem a Região dos Lagos sempre são preferência por aqueles que partem de ônibus da rodoviária Novo Rio, pela capital. Para dar conta da demanda, a auto viação que contem a maior operação em linhas rodoviárias para as cidades cariocas, irá intensificar o número de veículos extras desde a sexta (30 de outubro).

No total, 334 ônibus estarão à disposição da população, sendo que 124 deles são extras. Os veículos irão levar os passageiros do Rio de Janeiro até as cidades de Saquarema, Araruama, Iguaba Grande, São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Arraial do Cabo e Armação dos Búzios, durante o feriado de Finados. A companhia 1001 aposta que sexta deve ser o dia mais movimentado no terminal do Rio de Janeiro, já que muitos turistas de outras regiões do Brasil também aproveitarão o embalado para desembarcar na cidade. Só no dia 30 de outubro, a empresa irá operar com 60 ônibus extras.

No sábado, há expectativa de atendimento através de 150 veículos da 1001. Além da Novo Rio, tudo indica que a rodoviária de Cabo Frio, liderará o ranking dos terminais rodoviários com maior número de passageiros, neste feriado. São esperadas cerca de 6 mil pessoas, neste final de semana. Para retornar a capital, também será preciso de um esquema especial. Só a empresa 1001, irá trabalhar com 68 veículos extras, até a terça (3). No total, a companhia circulará pelo estado carioca com cerca de 300 ônibus, saindo dos terminais rodoviários da Região dos Lagos. Quem irá viajar nesse feriado, deve antecipar a compra e reservar a passagem de ida e volta, para evitar filas nos guichês de atendimento, ou ter de esperar os horários de ônibus extras para embarcar. As passagens de ônibus da 1001 podem ser reservadas na internet.

Conheça a Itapemirim: A maior companhia de ônibus do Brasil

Viação Itapemirim

Viação Itapemirim

A maior e mais antiga companhia de ônibus do Brasil tem nome de cidade: Itapemirim, em homenagem a Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo, foi fundada pelo empresário Camilo Cola, em 1953. Sete anos depois de adquirir um Ford Hércules, com auxilio do Governo Federal, de quem tinha crédito por ter integrado a Força Expedicionária Brasileira, durante a Segunda Guerra Mundial. Com a compra facilitada dos caminhões, Camilo passou a estimular a prática de compra e venda de veículos, enquanto transportava cargas e passageiros. A atividade lhe rendeu dinheiro suficiente para criar a Empresa de Transporte Autos ­ ETA, aquela que seria a maior auto viação do país.

Na época, a frota era composta por apenas um ônibus, que operava no transporte de passageiros entre Castelo e Cachoeiro do Itapemirim. Demorou três anos para que a empresa ampliasse o número de veículos, passando a operar com o nome de viação Itapemirim LTDA, fruto de uma fusão com mais duas empresas rodoviárias. Com o tempo, as linhas foram sendo estendias para o norte do Espírito Santo. Em 1960, a Itapemirim passou a obter a concessão das linhas Brasília – Belo Horizonte e Belo Horizonte – Vitória (ES). Três anos depois já contabilizava 100 ônibus em sua frota. Apesar disso, a auto viação só ganhou renome nacional entre as companhas mais importantes do Brasil, em 1973, quando incorporou os serviços da viação Nossa Senhora da Penha, ampliando a frota para mais de 500 veículos, em menos de um ano.

Nos anos 80, adquiriu as operações da viação Única, importante companhia que operava a linha Rio de Janeiro – São Paulo. Com o controle do eixo rodoviário mais movimentado do Brasil e uma das maiores frotas da país, a Itapemirim tornou-se a maior empresa de transporte rodoviário de passageiros da América Latina. Além de transportar milhares de passageiros em diversas regiões, a companhia também trouxe novidades para o setor rodoviário, chegando a produzir suas próprias carroçarias. A iniciativa contribuiu para o avanço da engenharia automobilística internacional, através do modelo Tribus, que opera sob três eixos. Atualmente, a viação Itapemirim transferiu mais de 50% de suas linhas interestaduais para a viação Kaissara, pertencente ao mesmo grupo rodoviário.

Viação 1001 torna embarque confortável na Rodoviária Novo Rio

Demonstração de uma sala vip do terminal.

Demonstração de uma sala vip do terminal.

A viação 1001 reativou uma de suas salas vips na rodoviária Novo Rio, no Rio de Janeiro, no dia 21 de agosto. O espaço destinado a clientes da auto viação, tornará o tempo de espera entre os embarques mais confortável e seguro. A nova sala de atendimento da 1001 é equipada com wi-fi gratuito, tem bancadas especiais para notebooks, cadeiras confortáveis, TVs de Led, banheiros, e até terminais eletrônicos de autoatendimento que servem como impressora para passagens de ônibus reservadas pela internet. Mais moderno e confortável, o espaço pode ser acessado na rodoviária do Rio de Janeiro, na Av. Francisco Bicalho, 01 – Santo Cristo – RJ.

Viação Catarinense
A companhia de ônibus Catarinense, operada pelo mesmo grupo que administra a viação 1001, chega com linhas interestaduais no estado do Rio Grande do Sul. A auto viação fundada em 1928, oferece viagens de ônibus com preços acessíveis, entre linhas do Estado do Paraná e do Rio Grande do Sul, através de rotas de Curitiba (PR) a Porto Alegre (RS), e Curitiba (PR) a Santa Maria (RS). As rotas com destino a capital gaúcha, têm paradas em cidades de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul – Joinville (SC), Balneário Camboriú (SC), Araranguá (SC), Torres (RS) e Osório (RS). Já entre a linha de Curitiba a Santa Maria, as paradas acontecem nos municípios de: União da Vitória (PR), Passo Fundo (RS), Carazinho (RS), Ijuí (RS), Cruz Alta (RS) e Júlio de Castilhos (RS).

Viação Cometa
A linha que liga a cidade de Sorocaba a São Paulo – uma das mais movimentadas no terminal da Barra Funda, continuará sendo operada pela viação Cometa. O trajeto é alvo de ação judicial por parte do Grupo Serveng, que opera os serviços da Airport Service na rodoviária Barra Funda. A venda das passagens rodoviárias com destino a capital paulista estava suspensa desde o dia 20 de agosto, porém, com a liminar obtida na 11ª Vara da Fazenda Pública, as reservas já podem ser feitas normalmente.